Rabiscos do Silêncio – Amigos do tempo

O tempo que é empregado com esperança se torna nosso aliado e tudo o que fazemos vai de encontro à realização pessoal. Quando temos momentos que nos fazem sentir prazer em produzir algo de bom a vida revela tudo o que se passa em nosso interior.

Por isso o tempo torna-se aliado, sabendo olhar para a direção certa, não retrocedendo quando sofremos alguma reversão em nossa vida, seja por ferimentos extraídos de outros tempos ou acontecimentos que venham em nossa direção como pensamentos mal elaborados por consciências que produzem dor, exclusão e insegurança.

Continua após as publicidades...

Receba notícias do site Portela Online pelo Whatsapp - clique aqui para entrar no grupo. Não tem mais vaga? Envie uma mensagem para (55) 99631-9327.

Continua a notícia...

E o tempo que passamos neste mundo não pode ser desperdiçado com descompromisso com a verdade, pois esta liberta do comodismo e nos proporciona viver na superação das coisas mal intencionadas que são cultivadas na imanência do nosso ser. O importante é saber nos sintonizar com o tempo presente e fazermos uma ligação correta com o transcendente.
Muitas vezes sentimo-nos desanimados por acontecimentos que são elaborados por mentes que não focam na busca da verdade e semeiam mentiras ou intepretações errôneas a nosso respeito, somente para prejudicar a fé e o compromisso que temos com as revelações das coisas do alto (Deus). Estes, sem saber usar seu precioso tempo, produzem acusações, por palavras e ações, as quais tem papel tóxica, pois agridem as obras do espírito que habitam nosso coração.

Ficar acumulando acusações enganosas eleva o perigo de fazermos mau uso do tempo que temos à nossa disposição. E o tempo precisa ser nosso amigo. Quando conseguimos orientar nossa mente nos caminhos do amor, do perdão e do respeito os momentos que ocupamos com as coisas da vida não serão em vão, pois estaremos estabelecendo atitudes que conectam as pessoas com a busca por um sentido novo e valoroso, com as dimensões definidas.

E o tempo que possuímos aqui neste mundo vem de Deus. Ele nos faz pertencentes ao universo com o tempo de vida que é presente nosso. Precisamos aproveitá-lo com práticas que gerem efeitos positivos nos outros, na natureza e em nós mesmos. Não se deve distanciar esse tempo prejudicando a manifestação das coisas que vem do espírito, pois é fácil desrespeitar as pessoas com palavras que nos ludibriam, que fermentam aborrecimentos. Isso aprisiona o tempo favorável que promove a vida e nos faz evoluir.

O mesmo tratamento precisa acontecer com a natureza, pois ela também é obra de Deus, sendo que não há como negar a presença do espírito nas plantas e animais, o qual se manifesta com o tempo pertencente a cada espécie. Tudo foi feito para o nosso bem. Não para explorar ou criar divisões, mas para conviver com respeito e harmonia, fazendo uso correto das coisas que recebemos da natureza.

E a nossa própria vida precisa ser respeitada na sua essência, criando condições favoráveis para fazer do nosso tempo presente um amigo. Não desperdice seu tempo sobrecarregando o coração com ciúmes, discórdia ou desprezo. Pratique tudo com gratidão, perdão, paz e motivação, ligando nossos desejos à dimensão do espírito, sintonizando os passos terrenos como pertencentes ao tempo que Deus nos quer aqui, neste mundo. Também deixando coisas boas e favoráveis para que o amor possa compenetrar nosso pensamento e ver a clareza da vida sendo revelada na consciência, sempre pela luz da verdade.

Deixe um comentário