Polícia identifica os três criminosos que executaram taxista

Foto: Divulgação

A Polícia Civil divulgou nesta sexta-feira, 6 de agosto, que identificou os três criminosos que executaram o taxista Ramiro Heuert de 48 de idade. O crime ocorreu na noite do dia 14 de julho, na ERS-330, em Tenente Portela. A imagem mostra os mesmos.

Leia o que a polícia divulgou junto com a imagem:

Continua após as publicidades...

Receba notícias do site Portela Online pelo Whatsapp - clique aqui para entrar no grupo. Não tem mais vaga? Envie uma mensagem para (55) 99631-9327. Continua o texto...

A Polícia Civil a fim de informar a comunidade Portelense sobre o homicídio do taxista Ramiro Heuert, comunica que na última segunda feira, 2 de agosto, foi dado mais um passo importante nas investigações ao identificar o terceiro indivíduo envolvido no crime.

Entenda o caso: No dia 14 de julho de 2021 a vítima Ramiro, após receber chamado para uma corrida de táxi foi atingido por dois disparos de arma de fogo na região da cabeça. O crime ocorreu no acesso à comunidade do Alto Alegre, às margens da RS 330. A vítima foi socorrida ao Hospital Santo Antônio de Tenente Portela mas não resistiu aos ferimentos.

No mesmo dia (14/07) a Polícia Civil realizou diligências para apuração dos fatos e já no dia seguinte (15/07), após informações preliminares de que pelo menos três indivíduos estariam no veículo do taxista no momento dos disparos, e que estes logo após saíram em fuga do local, policiais civis diligenciaram em busca de câmeras de monitoramento e analisaram horas de imagens. Com a análise das imagens, foi possível verificar a rota da vítima desde o momento que saiu da sua casa até o local onde os três indivíduos entraram no táxi.

Segundo o Delegado de Polícia Roberto Fagundes Audino, uma câmera localizada próxima ao local onde a vítima aguardava os supostos clientes foi determinante para os próximos passos das investigações. Com base na análise daquelas imagens, os policiais civis conseguiram obter a identificação de um dos três suspeitos, tratava-se de um morador da cidade de Tenente Portela.

Segundo o Setor de Investigações da Delegacia de Tenente Portela, o indivíduo identificado já é investigado pelos crimes de tráfico de drogas e receptação neste município e os inquéritos policiais referentes a estes casos já estão em fase final e serão enviados para apreciação do Poder Judiciário nos próximos dias.

Ainda com base nas imagens e demais informações colhidas, foram solicitados vários mandados de busca e apreensão ao Poder Judiciário. Nas buscas foram encontradas e apreendidas importantes evidências da participação do referido indivíduo no crime, o que resultou na sua prisão preventiva ainda no mesmo dia e evidências que possibilitaram a identificação total do segundo indivíduo envolvido e a parcial do terceiro.

Com base nas evidências encontradas, foi representada pela prisão preventiva do segundo envolvido ao Poder Judiciário, o qual ainda encontra-se foragido. Em razão do inquérito Policial ter réu preso, o que diminui o prazo para sua conclusão, ele já foi encaminhado ao Poder judiciário, porém as investigações sobre o caso ainda estão acontecendo e na última segunda feira (02/08) após várias diligências, a Polícia Civil chegou a identificação completa do terceiro participante no crime, e assim como ocorreu com os demais envolvidos, também foi representada pela sua prisão preventiva ao Poder Judiciário, mas ele também está foragido.

Segundo o Delegado Roberto, o fato do inquérito policial já ter sido encaminhado ao Poder Judiciário, não significa que caso esteja encerrado, até porque a Polícia Civil não descarta a participação de outras pessoas no crime.

Notícias Relacionadas

Roupas colocam suspeito na cena do crime diz delegado sobre execução de Taxista
Polícia Civil cumpre mandados de busca e apreensão que investiga execução de taxista
Taxista pode ter sido executado em Tenente Portela
Morre taxista baleado em Tenente Portela

Vídeos Relacionados

 

 

Deixe um comentário