Brigada Militar flagra rinha de galos no interior de Sede Nova

Foto: Brigada Militar

Após o recebimento de denúncias anônimas, o pelotão da Brigada Militar de Crissiuamal flagrou a realização de uma rinha de galos no interior de Sede Nova. O fato foi registrado por volta das 20h do último sábado (10). Segundo a Brigada Militar, no local, foi constatada uma grande aglomeração de pessoas. Alguns fugiram a pé em direção ao mato. Os policiais conseguiram abordar 46 pessoas envolvidas com a prática de maus-tratos a animais por rinha de galo.

Ao todo foram autuados 43 homens e duas mulheres pelo crime descrito no artigo 32 da Lei Federal 9.605/1998: praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais domésticos. Além disso, foi constatado crime conforme o artigo 268 do Código Penal, por descumprimento de medidas preventivas ao contágio da Covid-19, em função da aglomeração, sem uso de máscaras e sem disponibilidade de álcool em gel.

Continua após as publicidades...
Continua o texto...

Foram apreendidos 38 galos finos vivos. Conforme a Brigada Militar, os animais estavam sem água nem alimento e todos com algum tipo de ferimento dentro de gaiolas pequenas. Também foram apreendidas 76 gaiolas pequenas, três tambores de rinha e outros utensílios tais como esporas e biqueiras, protetores de espora e de bico, materiais para procedimentos e medicamentos.

Durante a abordagem foi constatada a existência de R$ 8.648,00 que estavam sendo utilizados para apostas nas rinhas. A ocorrência foi lavrada e os envolvidos assinaram termo de compromisso para responder no Juizado Especial Criminal. Todos os materiais foram relacionados e lavrado termo de fiel depositário com a juntada aos autos da ocorrência.

Brigada Militar