Departamento de Inspetoria e Defesa Agropecuária de Tenente Portela emite alerta quanto a Raiva Herbívora

Foto: Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural

O Departamento de Inspetoria e Defesa Agropecuária de Tenente Portela emitiu alerta sanitário, quanto a Raiva Herbívora constatada no município de Palmitinho, aos produtores rurais portelenses.

A Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul emitiu alerta sanitário para raiva de herbívoros. De janeiro a junho de 2021, a secretaria contabilizou 17 focos de raiva em 13 municípios, e possível evolução de focos em mais 28 cidades, entre elas Palmitinho.

Continua após as publicidades...

Receba notícias do site Portela Online pelo Whatsapp - clique aqui para entrar no grupo. Não tem mais vaga? Envie uma mensagem para (55) 99631-9327.

Continua a notícia...

O alerta foi emitido com base em situações registradas no estado, como a incidência de agressões do morcego hematófago Desmodus rotundus a herbívoros, sem que tivesse havido conhecimento e identificação de refúgios. Alguns esconderijos habituais dos morcegos são troncos ocos de árvores, cavernas, fendas de rochas, furnas, túneis e casas abandonadas, entre outros.

Confira o ALERTA SANITÁRIO na íntegra:

A Inspetoria de Defesa Agropecuária de Tenente Portela comunica os produtores rurais do município, que devido ao surgimento de foco de Raiva Herbívora no município de Palmitinho, sugere que a tomada de algumas medidas, uma vez que o controle da doença ocorre de forma PREVENTIVA:

  • Vacinação ou revacinação dos animais suscetíveis;
  • Em casos de ataque aos animais da propriedade, fazer notificação na Inspetoria de Defesa Agropecuária e tentar localizar os refúgios dos morcegos hematófagos da sua região.
    Animais vacinados contra a Raiva Herbívora a mais de 1 ano devem receber a primeira dose e realizar o reforço da mesma 21 dias depois da primeira vacinação, nos demais casos somente a vacina de reforço deve ser feita.
    Maiores informações e esclarecimentos de dúvidas através do telefone 3551 1743.

Deixe um comentário