Apesar de estabilidade em nível estadual, ocupação de UTIs na região segue alta

Foto: Sandro Medeiros – Portela Online

Apesar de uma estabilidade em termos de ocupação de leitos de UTI no Estado, com 2.638 pacientes em estado grave, com 77,8% de taxa de ocupação geral, os hospitais de referência na região e que possuem estruturas de UTI, apresentam taxas de ocupação ainda elevadas neste início de semana, com números acima de 80%.

O Hospital Santo Antônio, em Tenente Portela, é a instituição que está com o quadro mais pressionado, com ocupação de pacientes acima da sua estrutura normal.

Continua após a publicidade...
Continua o texto...

Tenente Portela
A UTI do HSA, de Tenente Portela, segue com superlotação. 18 pacientes estão ocupando leitos de tratamento intensivo, sendo que a capacidade oficial da instituição é para 15 leitos de UTI. Pelo menos três leitos estão sendo improvisados.

Estão sendo atendidos 11 pacientes confirmados com Covid-19, três pacientes considerados casos suspeitos de Covid, e quatro pacientes não Covid.

14 respiradores, de um total de 15 disponíveis, estão sendo utilizados.

Já a ala de enfermaria Covid apresenta uma significativa diminuição no número de atendimentos. Neste momento, são cinco pacientes internados, em um espaço que possui 30 leitos clínicos.

Três Passos
Já a UTI do HCTP está no limite de ocupação. Dos dez leitos disponíveis, nove estão ocupados nesta segunda-feira. Os três leitos de UTI/Covid estão ocupados. Outros seis pacientes não Covid estão sendo atendidos também.

Dos dez respiradores disponíveis em UTI adulto, quatro estão ocupados neste momento.

Na Ala Covid, apenas um paciente está internado neste momento, em um espaço que pode receber até 20 pacientes.

Frederico Westphalen
A UTI do Hospital Divina Providência (HDP), de Frederico Westphalen, possui oito leitos do SUS para atendimento de pacientes Covid-19. Os oito leitos estão ocupados nesta segunda-feira. Outros dois leitos de UTI, que são particulares, estão livres.

São cinco pacientes confirmados com infecção por Covid, e três pacientes com outras comorbidades.

Dos 30 leitos clínicos disponíveis, na ala de enfermaria, apenas quatro estão ocupados, representando 13,3% de taxa de ocupação.

Dos dez respiradores disponíveis em UTI adulto, oito estão sendo utilizados.

Palmeira das Missões
Está com 80% de taxa de ocupação a UTI do Hospital de Caridade, de Palmeira das Missões. Dos dez leitos disponíveis, oito estão ocupados: os oito pacientes são casos confirmados de Covid-19.

Dos 33 leitos clínicos, fora de UTI, 12 estão ocupados, representando 36,4% de taxa de ocupação.

Dos dez respiradores disponíveis na UTI, oito estão sendo utilizados.

Fonte: Rádio Alto Uruguai