Fiscalização constata descarte irregular de resíduos sólidos no interior de Coronel Bicaco

Na última semana, após denúncia do proprietário de uma área rural, situada nas margens da BR-468, próximo à esquina São João, interior de Coronel Bicaco, a Fiscalização Ambiental do Município constatou o descarte irregular de uma significativa quantia de resíduos sólidos (lixo), que incluía garrafas, seringas de uso veterinário, plásticos, papeis, resíduos domiciliares, entre outros. Após o levantamento da situação no local, foi solicitado o apoio a equipe da Secretaria de Obras para realizar a coleta do material, que foi encaminhado ao Consórcio Citegem, onde será dada a destinação correta.

A equipe da Secretaria de Meio Ambiente abriu processo administrativo e efetuou registro da ocorrência junto a Delegacia do Município, a fim de que a mesma venha a apurar as responsabilidades, uma vez que foram encontradas evidências de um possível envolvido no crime contra o meio ambiente.

Continua após a publicidade...
Continua o texto...

Esse tipo de descarte, assim como a queima de resíduos, tem sido uma prática recorrente no Município, e origem de várias denúncias. Entretanto, neste caso, o que surpreendeu foi o grande volume de materiais descartados, às margens de uma mata nativa.

A Secretaria faz um apelo a população bicaquense, para que colaborem com o meio ambiente e com a saúde pública de um modo geral, afinal, essas atitudes, especialmente em ambiente urbano, são prejudiciais a todos. Todos devem praticar a coleta seletiva, e fazer o descarte correto dos resíduos sólidos.

Portela Online com informações e fotos da prefeitura de Coronel Bicaco