RS recebe 413,7 mil vacinas de Oxford; mais 32,7 mil doses da Pfizer chegam até o fim desta segunda

Chegada das vacinas de Oxford no RS nesta segunda-feira, 3 de maio — Foto: Mauro Nascimento / Palácio Piratini

O Rio Grande do Sul recebeu, na manhã desta segunda-feira (3), um avião com 413.750 doses da vacina de Oxford/AstraZeneca. A remessa de 32.760 doses de vacinas da Pfizer/Biontech, previstas inicialmente para o mesmo voo, chegará somente no final da tarde desta segunda.

Os imunizantes da Pfizer serão utilizados somente em Porto Alegre em razão da necessidade de armazenamento em baixas temperaturas.

Continua após a publicidade...
Continua o texto...

Com isso, o RS chega a 4,6 milhões de vacinas recebidas contra a doença. No sábado (1°), o estado já havia recebido um lote com 22,8 mil doses da CoronaVac.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, os imunizantes de Oxford/AstraZeneca serão destinados a grupos com comorbidades, podendo avançar até a fase 2.

Na fase 1 estão sendo vacinados:

    • pessoas com síndrome de Down maiores de 18 anos;
    • pessoas com doenças renais que fazem tratamento por diálise maiores de 18 anos;
    • gestante e puérperas (passaram há menos de 45 dias pelo parto) e têm alguma comorbidade, maiores de 18 anos;
      pessoas com 54 a 59 anos com comorbidades;
    • pessoas com deficiência permanente cadastradas no programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC) de 55 a 59 anos.Na fase 2 acrescentam-se:
  • pessoas com deficiência permanente cadastradas no Benefício de Prestação Continuada (BPC);
  • gestantes e puérperas independentemente de condições pré-existentes e divididas por idade, assim como ocorre no grupo dos idosos.

“Com as novas doses da AstraZeneca, vamos conseguir avançar bastante nas comorbidades, chegando até a fase 2 desse grupo e vacinando mais da metade do público total estimado, que é de pouco mais de 1 milhão de pessoas no RS. Nossa expectativa é vacinar todas as comorbidades ainda em maio”, afirma a secretária da Saúde, Arita Bergmann.

Já as doses da vacina da Pfizer serão destinadas a idosos para completar a vacinação na faixa etária de 61 a 60 anos, e para pessoas com comorbidades.

Até o sábado (1º), o RS havia vacinado 2,27 milhões de pessoas com a primeira dose, mais de 20% da população. Dessas, 952 mil receberam a dose de reforço, o que representa 8,4% da população gaúcha.

 

Fonte: G1 – RS

Post Author: Portela Online