Dentro do Jogo: Ideia de jogo clara, mas ainda sem titulares confirmados

Vencer o Brasil de Pelotas foi mais complicado para o time do Internacional, o adversário deu mais trabalho. Conseguiram empatar, mas o físico e a qualidade prevaleceram, o colorado conseguiu a vitória por 2 a 1.

Um duelo razoável, o Inter ainda demonstra dificuldades para colocar em campo as novas ideias do treinador Miguel Ángel Ramírez. O time estava lento em sua saída para o ataque e suas linhas mais espaçadas. Em contra partida o Brasil mais encaixado e conseguindo levar perigo ao gol colorado.

Continua após a publicidade...
Continua o texto...

Ramírez ainda não encontrou sua formação ideal, continua fazendo teste, ontem mais uma escalação diferente. Se ainda não encontrou seus titulares, a ideia de jogo para o Inter ele já tem clara em sua cabeça.

O novo conceito é de um jogo mais posicional com a saída para o ataque iniciando na defesa, com o goleiro e zagueiros, sem ligação direta, a bola passa por todas as posições.

Com toques de pé em pé constroem o ataque, seus zagueiros viram apoiadores e muitas vezes saem para atacar. Outro ponto do técnico é de não mexer taticamente no time durante a partida, Ramírez troca posição por posição.

A ideia de jogo esta cada vez mais evidente no colorado falta encontrar as peças certas que se encaixem nesse modelo pretendido pelo técnico, que está aproveitando o Gauchão para aperfeiçoá-las.

Por Marieli Pessotto – Colunista Dentro do Jogo

Foto: Ricardo Duarte / Assessoria Internacional

Post Author: Marieli Pessotto