Dentro do Jogo: Faltou mais futebol

Faltou mais futebol e isso não é de hoje que está em falta no Grêmio. Em outras partidas já vimos o tricolor sofrer essa carência, que em temporadas anteriores sobrava na equipe comandada por Renato Portaluppi.

Necessitando vencer e precisando mudar sua postura, Renato modifica o jeito do time jogar, puxa Alisson para o meio e inicia com Thaciano e Vanderson, dando mais velocidade pelo lado direito.

Continua após a publicidade...
Continua o texto...

A ideia do técnico deu certo até os 10 minutos do primeiro tempo. O Grêmio era melhor que o Palmeiras, chegava mais ao ataque e controlava o meio de campo.

Mas a partir desse minuto os palmeirenses crescem, equilibram e passam a dominar a partida. Com mais repertório conseguem envolver os tricolores e ampliar sua vantagem.  As duas vitórias do verdão foram construídas com méritos incontestáveis.

O Grêmio começou a perder o título já no primeiro duelo, não só pela derrota, mas por não conseguir jogar, ser dominado mesmo tendo superioridade numérica em boa parte da partida.

Continuo convicta que a melhor opção de mudança para a equipe gremista é a entrada de Ferreira como titular. O garoto já demonstrou que dá mais qualidade ao time.

Sem descanso o Grêmio quarta-feira já inicia a Libertadores, o tricolor começa sua jornada rumo à fase de grupos na Arena contra os peruanos do Ayacucho.

Para não ficarem pelo caminho os gremistas terão que resgatar seu futebol.

Por Marieli Pessotto – Colunista Dentro do Jogo

Foto: Lucas Uebel / Assessoria Grêmio

 

 

 

 

Post Author: Marieli Pessotto