O preço de uma vida: União e Solidariedade


A vida não tem preço, entretanto algumas situações contrariam essa verdade. Um desses casos é do menino João Emanuel Rasch Schropfer, de Lindolfo Collor, que em alguns meses completará seus dois aninhos de idade, prazo que encerra suas chances de receber em tempo uma medicação especial que pode colaborar em muito com seu tratamento.

A criança vive com dificuldades, entre internações frequentes em UTIs e funções como respiração, alimentação e mobilidade vão sendo gradativamente comprometidas, isso devido ao diagnóstico de AME (Atrofia Muscular Espinhal).

Continua após a publicidade...

O fato levado à justiça teve desfecho desfavorável, negando o tratamento pelas vias públicas. O valor em questão é de significativos 12 milhões de reais. Situação difícil.

Mas o caso de João Emanuel tocou os corações de inúmeras pessoas que transformaram a doença do menino em uma imensa companha nas mídias “AME JOÃO EMANUEL”, onde a sigla do mal que lhe acomete transformou-se numa ação solidária linda, à qual se agregam diariamente mais e mais voluntários, na busca pelo montante almejado.

Vaquinha online e contas bancárias estão sendo divulgadas para doações, onde qualquer valor é importante, e junto a isso estão sendo organizados Pedágios Solidários em muitas cidades, inclusive Tenente Portela-RS e municípios da região, que deverão ocorrer no próximo sábado, dia 27 de fevereiro.

O valor necessário, embora pareça inalcançável, só depende de cada pessoa acreditar e agir, pois “A palavra impossível foi inventada por alguém que desistiu” e pela vida de João Emanuel há muita gente lutando. Una-se a essa linda causa em prol de uma vida que ainda está começando. Doe, se voluntarie, divulgue. ACREDITE!!!

Abaixo seguem dicas de como colaborar:

Post Author: Portela Online