RS tem queda no número de homicídios e latrocínios em 2020

Foto de uma operação, realizada nesta quinta (14), em Santo Antônio da Patrulha, no combate a tentativa de homicídio, ao tráfico de drogas, e ao estupro de vulnerável — Foto: Divulgação/Polícia Civil

O Rio Grande do Sul apresentou uma queda histórica no número de homicídios e latrocínios em 2020, segundo levantamento da Secretaria da Segurança Pública divulgado nesta quinta-feira (14). O estado terminou o ano passado com a menor taxa de homicídios para cada 100 mil habitantes desde 2010.

Ao final de dezembro, o acumulado de vítimas de assassinato nos 12 meses foi de 1.694, — 6,5% a menos do que as 1.811 mortes em 2019. Com o resultado, considerando a mais recente estimativa de população do RS, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a taxa caiu para 14,8 mortes a cada 100 mil habitantes – abaixo de 15 pela primeira vez em 11 anos.

Continua após a publicidade...
Continua o texto..

Os dados divulgados pelo governo mostram ainda que o número de latrocínios (roubos com morte) foi, em 2020, o menor desde que esse tipo de crime passou a ser contabilizado pela Secretaria da Segurança Pública (SSP), há quase 20 anos.

Nos últimos 12 meses, o Rio Grande do Sul registrou 62 latrocínios — 7,5% menos do que os 67 de 2019.

Outros crimes em queda
Houve redução também, no ano passado, nas ocorrências envolvendo agências bancárias. Em 2020, foram 152 roubos a banco contra 359 em 2019 — diminuição de -57,6%.

Roubos de veículos também diminuíram. De 11.126 casos em 2019 caiu para 7.877 em 2020, o que representa um diminuição de -29,9%.

Aumento no estelionato
Dos crimes monitorados, o que apresentou um aumento significativo é o estelionato. Em 2019, foram 28.239 contra 62.379 no ano passado. Isso representa um aumento de 120,8%.

* CLIQUE AQUI PARA ENTRAR NO GRUPO DE NOTÍCIAS DO SITE PORTELA ONLINE.

Post Author: Portela Online