Operação na região Noroeste cumpre mandados contra grupo suspeito de furtar e desviar cargas de grãos

Foto: Polícia Civil / Divulgação

Uma operação conjunta entre as polícias Civil do Rio Grande do Sul e de Santa Cataria, Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Brigada Militar (BM) cumpre 26 mandados de prisão preventiva, 28 mandados de busca e apreensão residencial e 30 mandados de apreensão de veículos na manhã desta quarta-feira, 2 de dezembro.

O objetivo da ação, chamada Graneleiro, é desarticular um grupo suspeito de ter desviado cargas de grãos e causado um prejuízo superior a R$ 1 bilhão. Mandados são cumpridos em nove cidades gaúchas e em três cidades catarinenses.

Continua após as publicidades...
Continua o texto...

De acordo com a Polícia Civil gaúcha, desde o meio do mês de maio a delegacia de São Luiz Gonzaga, no Noroeste do estado, investiga uma organização criminosa especializada em furtar e desviar cargas de grãos, como soja, arroz, trigo e milho.

Pelo menos 26 pessoas atuavam nas ações do grupo que se articulava de maneira empresarial, onde alguns exerciam cargos de chefia, enquanto pessoas eram encarregadas da contratação de fretes, recrutamento de motoristas, compra e manutenção de caminhões e ‘laranjas’, que serviam para o registro de caminhões, imóveis e empresas fantasmas, segundo as investigações.

Fonte: G1 RS