Entrevista com Natanael do MDB fecha ciclo de entrevistas com futuros legisladores

* CLIQUE AQUI PARA ENTRAR NO GRUPO DE NOTÍCIAS DO SITE PORTELA ONLINE.
Reprodução

Concluindo uma série de entrevistas, com todos os nove legisladores eleitos para a Câmara Municipal portelense nas eleições 2020, o site Portela Online conversou nesta sexta-feira, 27 de novembro, com Natanael Diniz Campos, concorrente pelo MDB, partido no qual ingressou neste ano, saindo do PDT.

Ao iniciar o vereador eleito expressou alegria por usufruir do espaço no site, parabenizando o Portela Online pelos treze anos de atuação no município e região.

Continua após a publicidade...
Continua o texto..

Sobre o resultado da eleição no geral, Natanael disse que era esperada a vitória dos representantes de sua coligação para compor a maioria na Câmara, fato que se concretizou, pois foram seis os vereadores eleitos. Declarou que também, é claro, tinham expectativa de vencer na majoritária, entretanto o povo, de uma forma democrática escolheu Rosemar Sala pra ser o novo prefeito na gestão 2021-2024 e completou: “Mas nós, enquanto vereadores, temos seis da nossa coligação, vamo procurá fazer um trabalho com muita responsabilidade e ajuda na construção, no desenvolvimento do nosso município”.

O entrevistado foi questionado sobre o fato de ter sido reeleito, se tinha confiança nesse resultado, ao que ele respondeu que sim, pelo trabalho desenvolvido por ele no município, pelo empenho em várias causas envolvendo questões, sociais, da saúde, tradicionalismo, esportes, agricultura, ou seja, sua ampla atuação o fez acreditar no resultado positivo nas urnas. Analisando que apenas ele e outro vereador alcançaram a reeleição, Natanael disse: “ Mas o povo também quis muita renovação na Câmara de Vereadores e isso é salutar, é importante”.

O vereador e também atual Presidente da Câmara Municipal, relatou um pouco de sua caminhada política, recordou de sua primeira legislatura em 2009, quando já naquela gestão exerceu a Presidência da casa legislativa e assumiu inclusive a prefeitura por alguns dias; depois foi Secretário do Comércio, Indústria e Turismo; Diretor da Rádio Municipal e retornou como vereador em 2016, onde permanece e segue nos próximos quatro anos para cumprir seu terceiro mandato.

A respeito da coligação inédita de seu partido com a situação, Natanael expressou que, num primeiro momento, tendo saído do PDT, partido que compunha a coligação do poder, a vontade era de fazer oposição, entretanto disse: “ Mas só a minha vontade não teve força a maioria do partido definiu por uma coligação entre Progressista, MDB e PDT e eu sempre fui de trabalhar pensando no coletivo. Onde a maioria decidiu eu procurei acompanhar”. Se a coligação teria interferido no resultado, o vereador alega não ter certeza se esse fator foi decisivo e referiu, na sua visão, uma falta de participação popular na administração que se seguiu por dezesseis anos. Emendou dizendo que é isso que espera da próxima gestão no executivo, porém lembrou que Sala e outras pessoas que estão sendo indicadas para o governo já estiveram junto da administração, à frente de secretarias, e nesse sentido vê as mesmas pessoas e partidos voltando a administrar o município. Ele diz ver a necessidade de mudar a forma de administrar e torce para que isso se concretize, desejou sucesso aos eleitos e colocou-se à disposição para contribuir. Destacou o foco no interior, agricultura, estradas, rede d’água e relembra que o PSDB inclusive já esteve a frente da Secretaria de Desenvolvimento Rural e, na sua opinião, desempenhou um trabalho muito individual: “E agora eles vão ter oportunidade de fazer um trabalho, espero que seja um trabalho para todos. E nós, enquanto Câmara de Vereadores, vamos estar atentos a isso e vamos procurá ajudá dando opiniões, dando ideias e mostrando também aonde que a gente acha que é importante que essas obras sejam realizadas”.

Questionado sobre seu papel, agora de oposição, Natanael afirmou que a oposição tem que ser responsável e, se precisar ser ferrenha, será. E disse que quando julgar a iniciativa positiva estará comprometido a ser parceiro nas propostas, pensando no bem comum, nas pessoas, na comunidade. Disse ainda que sua postura, mesmo como vereador da situação, sempre foi de questionar e mostrar caminhos alternativos quando julgou necessário e relevante.

Em relação à sua campanha o vereador esclareceu que levou ao eleitor todo o trabalho que já vinha sendo feito, em diversas áreas. Citou a saúde, onde se disse parceiro do Hospital Santo Antônio, trazendo recursos; o esporte através das Escolinhas de Futebol; incentivo em questões tradicionalistas; a agricultura, onde colaborou com recursos na implantação das Patrulhas Agrícolas, inclusive que trouxe uma retroescavadeira nova para o município a fim de atender as demandas e como Secretário de Comércio, que procurou sempre ajudar as empresas. Destacou o tempo de pandemia e a necessidade de apoiar os empreendedores, mais do que nunca. Concluiu dizendo: “Então foi isso que eu levei, que vou continuar meu trabalho e vou procurar escutar a comunidade, escutar todas as instituições, todas as pessoas. Eu quero que a comunidade faça parte do meu mandato”.

Encerrando o vereador agradeceu aos eleitores, que o consagraram como quarto candidato mais votado com 400 votos, disse que está confiante de fazer um bom trabalho e atender as expectativas dos que apostaram em seu nome e colocou-se à disposição de todos, inclusive do site Portela Online para novas oportunidades de conversar.

Assista pelo Facebook:

Assista pelo You Tube

* CLIQUE AQUI PARA ENTRAR NO GRUPO DE NOTÍCIAS DO SITE PORTELA ONLINE.

Post Author: Portela Online