Criminoso mais procurado do RS é preso em SC enquanto se preparava para passeio de jet ski

Suspeito encontrado em SC tinha 11 mandados de prisão em aberto — Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul prendeu, na tarde de domingo (22), em Santa Catarina, o homem mais procurado do estado gaúcho, segundo o delegado Arthur Raldi. Conhecido como “Gordo Dé”, o suspeito de 46 anos tinha 11 mandados de prisão em aberto.

O homem estava foragido desde junho de 2018, quando recebeu uma tornozeleira eletrônica. Ele arrancou o equipamento 39 minutos depois de ter sido instalado.

Continua após a publicidade...

O suspeito foi encontrado no município de Bombinhas (SC), no bairro Morrinhos. Do total de mandados, 10 ordens judiciais eram de prisões preventivas expedidos por acusações de homicídios, organização criminosa, tráfico de drogas, associação ao tráfico e lavagem de dinheiro.

Além disso, um mandado era por causa de uma condenação, que determinou pena de 40 anos, 4 meses e 13 dias de reclusão, em virtude da acusação da prática dos crimes de tráfico de drogas, associação criminosa e roubos.

Segundo a Polícia Civil do RS, o homem possui acusações por 18 homicídios.

Investigação

Após meses de investigação, os policiais descobriram que o alvo possuía diversos esconderijos em Santa Catarina.

No último domingo, durante o levantamento de um deles, o homem foi localizado pelos policiais.

A prisão foi efetuada pela da Delegacia de Capturas (DECAP), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), sob a coordenação do Delegado Arthur Raldi.

Fonte: G1- RS

Post Author: Portela Online