Quarto futuro vereador de Tenente Portela entrevistado: Eduardo Ferrari

Eduardo Ferrari (PT) se elegeu com 236 votos / Reprodução

O site Portela Online conversou nesta sexta-feira, 20 de novembro, com o candidato a vereador eleito, Eduardo Ferrari, dando sequência à serie de entrevistas com os futuros vereadores, na gestão que se inicia em primeiro de janeiro de 2021.


Continua depois da publicidade...
Continue lendo...

Na oportunidade, Eduardo, representante do PT, colocou que já foi candidato por três vezes, em 2012 a vereador, quando foi eleito; em 2016 concorreu ao cargo de prefeito e agora, nesta eleição novamente a vereador, com resultado positivo. Em seguida expôs que durante sua campanha realizou um bom debate com a comunidade, dentro do tempo disponível devido à profissão de advogado e sempre observando as recomendações referentes à pandemia. Mas que conseguiu levar sua proposta, seus ideais e o que pretende defender na Câmara Municipal.
Questionado sobre sua postura ocupando a cadeira legislativa, se seria de apoio ou de oposição, ele respondeu que está havendo um debate dentro do partido, que ele representa o grupo de candidatos que concorreram pelo PT: “A gente tem como objetivo, sempre , visar a questão principal do município, o bem estar das pessoas e as políticas públicas que venham de encontro com o que a comunidade precisa e também defendendo os ideais do Partido dos Trabalhadores”. Continuou dizendo que atualmente não está definida a sua atuação como oposição ou situação.

Perguntado se o seu partido teria apoiado a candidatura da coligação vitoriosa, Eduardo esclareceu que deixaram essa questão em aberto, ou seja, os candidatos puderam apoiar a chapa que quisessem, alguns apoiaram o Candidato Sala, outros apoiaram a Christiane. Isso porque o partido não lançou candidatura própria e o Diretório decidiu por essa postura livre. Entretanto o entrevistado afirmou que ele, em sua campanha, não pediu votos para nenhum dos dois concorrentes.

Sobre sua campanha e projetos apresentados, o vereador eleito destacou como prioridades a revitalização de espaços públicos, construção de redes de água, criação de cisternas e o passe livre estudantil com subsídios para o transporte de universitários.

Se o resultado da eleição o surpreendeu, Eduardo disse: “O partido não tinha candidato, deixou em aberto, a gente visualiza que quem tá no poder já, teoricamente, tem uma condição de eleição mais favorável. Uma chapa de oposição, ela vai buscando espaço, vai lutando e tal, na busca de eleição. O voto foi consagrado nas urnas e consagrou o Rosemar Sala como prefeito, então é a vontade soberana das pessoas”. Confirmou certa surpresa com o resultado avaliando a disputa entre a chapa de oposição e uma chapa de situação que se estende por dezesseis anos administrando Portela, mas que a resposta está com o eleitor, que levou seu voto para essa decisão e que as razões podem ser diversas.

Em suas considerações finais, Eduardo agradeceu o espaço no site Portela Online, ressaltou a grande importância do seu partido na campanha, onde todos os votos dos demais candidatos somaram para oportunizar a conquista dessa cadeira no Legislativo portelense. Reafirmou seu compromisso com a comunidade em atender suas demandas e representar cada voto que foi dedicado ao partido.

Veja pelo Facebook:

Pelo You Tube:

Post Author: Portela Online