Leia – Portela Online abre sequência de entrevistas com vereadores eleitos em Tenente Portela

Heitor Furini (PP) se elegeu com 440 votos / Reprodução

Abrindo uma sequência de entrevistas com os candidatos eleitos ao Legislativo neste último pleito, no dia 15 de novembro, em Tenente Portela, o site Portela Online conversou com Heitor Furini, que concorreu pelo PP (Partido Progressista), e o foi candidato que recebeu o maior número de votos neste município.


Continua depois da publicidade...
Continue lendo...

Inicialmente o vereador eleito respondeu sobre como viu o resultado das eleições, ao que ele admitiu ter sido uma surpresa, tanto da majoritária que apoiava e que foi derrotada nas urnas, quanto de sua tão expressiva votação. Disse que era esperado que a coligação de seu partido com os demais pudesse ter vencido a eleição, embora já supondo uma diferença apertada com os opositores. Entretanto, diante do resultado, desejou boa sorte aos vitoriosos, Rosemar Sala e Leônidas Balestrin, justificando que o bem do município é o desejo dele também. Sobre sua votação, afirmou que acreditava, sim, na sua eleição, mas não contava com o resultado de maior votação que recebeu.

Questionado a respeito dos motivos que levaram aos 440 votos e se teria relação com a caminhada política do pai, Ibe Furini, que inclusive já administrou o município e foi vereador por várias legislaturas, Heitor citou a frase: “O sucesso só vem antes do trabalho no dicionário”, referindo-se ao legado do pai em termos de política séria e honesta, segundo palavras do entrevistado. Mas também disse que a ânsia pela renovação, pela juventude assumir a política em todas as instâncias do país, foi um dos fatores que foi decisivo para se chegar a tal votação.

Interpelado sobre o resultado negativo para a majoritária, o jovem respondeu que viu essa eleição como atípica: “Não era a Chris e o João contra Nide e o Sala, era o Sim contra o Não, era a sequência do trabalho contra a mudança, digamos assim…, então acredito que foi isso, onde o povo optou pela mudança, e tá tudo bem”
Sobre a coligação inédita envolvendo seu partido e outros da coligação já existente com o MDB, histórico adversário, o vereador eleito citou: “Um avião não cai por uma coisa só. Um avião cai por uma série de falhas, de coisas que acontecem pra derrubar um avião”, a fim de expor que, em sua opinião, a derrota não pode recair apenas no fator da nova coligação, mas sim numa série de fatores que contribuíram para o resultado negativo.

Sendo oposição a maioria eleita para a Câmara Municipal, Heitor alegou que, sendo os eleitos pessoas sérias e honestas e querendo o bem da comunidade portelense, o bem do município, de sua parte a oposição será exercida com trabalho em prol de recursos, emendas através do deputados, a fim de colaborar na construção do município, pra focar na evolução de Tenente Portela.

Despediu-se agradecendo a oportunidade, aos votantes que o apoiaram, reafirmou o compromisso de trabalhar sempre pelo bem da comunidade, buscando verbas em prol do cidadão, tanto individual como coletivamente.

Prefeito Eleito:

Rosemar Sala(PSDB) 4.306 votos (53,57%) – Entrevistado

Vereadores eleitos – Status da entrevista:

Heitor Furini (PP) – 440 votos – Entrevistado
Mauro Ludwig (PSDB) – 420 votos – Convidado
Luísa (MDB) – 408 votos – Entrevistada
Nata (MDB) – 400 votos – Convidado
Luís Claudir (PDT) – 379 votos – Convidado
Diube (PP) – 375 votos  – Sem contato até o momento
Irinéia (PDT) – 317 votos – Convidado
Derli da Silva (PSDB) 308 votos – Gravação agendada
Dudu Ferrari (PT) 236 votos – Gravação Agendada


Assista pelo Facebook:



Assista pelo You Tube:

Post Author: Portela Online