Porto Alegre e outras 10 regiões ficam em bandeira vermelha no mapa do distanciamento controlado

Divulgação RS

O mapa preliminar do distanciamento controlado voltou a apresentar 11 regiões em bandeira vermelha, conforme dados divulgados nesta sexta-feira (13) pelo governo do RS. Além de Porto Alegre, Capão da Canoa, Novo Hamburgo, Canoas, Guaíba, Santa Rosa, Passo Fundo, Caxias do Sul, Santo Ângelo, Cruz Alta e Ijuí têm classificação de risco epidemiológico alto para a Covid-19.

As outras 10 ficam em bandeira laranja, de risco médio. Prefeituras e associações municipais têm até as 6h deste domingo (15) para contestar a classificação.

Continua após a publicidade...

A versão final será oficializada na segunda (16) e passa a valer entre 17 e 23 de novembro. Logo, neste domingo, é válido o mapa desta semana, com Santo Ângelo, Ijuí e Cruz Alta em bandeira vermelha. Bagé e Erechim recuaram para bandeira amarela e as demais estão em bandeira laranja.

Conforme o mapa preliminar da 28ª rodada, 271 municípios estão classificados em bandeira vermelha. Desses, 116 cidades, onde moram 516 mil pessoas (4,6% da população gaúcha) podem adotar protocolos de bandeira laranja, porque não têm registro de óbito ou hospitalização de moradores nos últimos 14 dias.

Além disso, do total de 226 municípios em bandeira laranja, 146, em que vivem 807,1 mil gaúchos, (ou 7,1% da população) podem adotar protocolos de bandeira amarela.

Leitos livre diminuem

Os níveis de hospitalização por Covid-19 e de internações em leitos de UTI registrados na última semana não eram vistos, no mínimo, há dois meses, conforme o comitê de crise do governo do RS. O número de internados em leitos clínicos chegou, na quinta (12), a 914 pacientes, um aumento de 22% na comparação com a semana anterior.

Houve, ainda, conforme o governo do estado, uma elevação de 14% no total de infectados por coronavírus em UTI — o que provocou uma queda de 11% na disponibilidade de leitos para tratamento intensivo em toda a rede.

O único indicador que não apresentou elevação foi o de óbitos, com redução de 22%.

Alerta vermelho na Região Metropolitana
Das seis regiões que integram a macrorregião Metropolitana e onde se concentra a maior estrutura de atendimento, cinco ingressam em bandeira vermelha.

Porto Alegre tem mais de 4,8 mil casos ativos e viu cair de 263 para 239 o número de leitos livres em UTI nesse período. Isto porque o registro de pacientes com Covid-19 em tratamento intensivo saltou de 242 para 276.

Aumento parecido com o de casos de síndrome respiratória aguda grave em UTI, que passou de 277 para 295 nesta semana.

Em Canoas, o salto de pacientes em tratamento intensivo por Covid-19 foi de 32 para 37 e por SRAG, de 47 para 62. Em Novo Hamburgo, a ocupação de leitos de UTI por Covid-19 passou de 28 para 36 pacientes nesta semana e caiu, de 18 para 12, a oferta de leitos livres de UTI.

A região de Guaíba apresentou elevação de 13 para 17 pacientes com Covid-19 em leitos de UTI e de 21 para 23 pessoas com SRAG.

No Litoral Norte, a região de Capão da Canoa, que tinha quatro leitos de UTI livres, estava com apenas um nesta quinta.

Cuidados na Serra e no Norte

Já em Caxias do Sul, na Serra, o total de casos em tratamento intensivo por Covid-19 passou de 56 para 74 pacientes nesta semana, e por SRAG, de 81 para 90 casos. A região ainda apresentou um salto de internações clínicas, 20 a mais do que no período anterior.

Em Passo Fundo, na macrorregião Norte, o cenário é parecido. A região tem 34 pessoas em UTI (antes, eram 29) e 49 ocupando leitos intensivos por SRAG (antes, eram 37). Nesta quinta, Passo Fundo reunia 60 pessoas infectadas pelo vírus em leitos clínicos: há uma semana, eram 52.

E em Santa Rosa, o avanço nos registros de hospitalizações confirmadas por Covid-19 no acumulado de sete dias passou de 10 para 19 casos. A região também aumentou de 13 para 15 os leitos de UTI ocupados por pessoas com o coronavírus.

Santo Ângelo, Cruz Alta e Ijuí, que já estavam em bandeira vermelha, não demonstraram avanços significativos e seguem com a classificação.

Fonte: G1 – RS

Post Author: Portela Online