Após participar de festa religiosa em Bagé, 55 pessoas testam positivo para coronavírus


Após participarem de uma cerimônia religiosa de umbanda, 55 pessoas testaram positivo para o coronavírus em Bagé, na Região da Fronteira do RS.

Mais de 100 participantes compareceram ao evento. Dias depois, explica a prefeitura, parte começou a apresentar sintomas da doença. Em torno de 80 pessoas foram testadas.

Continua após as publicidades...

Receba notícias do site Portela Online pelo Whatsapp - clique aqui para entrar no grupo. Não tem mais vaga? Envie uma mensagem para (55) 99631-9327. Continua o texto...

A comemoração foi no fim do mês de junho. A Vigilância em Saúde suspendeu por 90 dias o alvará de atividade da casa onde ocorreu a festa.

Segundo a secretária de Saúde do município, Deise Quadros, houve outra comemoração na cidade, em que 28 pessoas se contaminaram com a doença. Os casos confirmados após as duas festas ajudaram a aumentar a quantidade de infectados na cidade, que vinha se mantendo baixa, e motivou a instalação de duas tendas de triagem, para dar conta da demanda por exames RT-PCR.

“Diante desse cenário resolvemos solicitar apoio do Exército para instalação de duas barracas na frente da UPA”, afirma a secretária. Uma das tendas já foi instalada e a outra será na segunda (20).

Bagé chegou a ser a cidade do interior com mais casos de coronavírus, no início da pandemia. O ritmo de contaminação desacelerou, e de acordo com o último boletim do governo do estado, a cidade é a 47ª em número de infectados, com 189. A primeira morte pela doença no município foi confirmado no último domingo (12).

Na contagem da prefeitura, porém, o número de infectados é maior: 209. Uma pessoa está internada em UTI com suspeita da doença, e outras três pacientes de Covid-19 estão em leitos clínicos.

Fonte: G1 – RS

Deixe um comentário