Anúncios

Suspeito de atropelar e matar uma mulher em saída de festa em São Luiz Gonzaga é preso

Atropelamento com morte aconteceu em frente ao Clube Subtenentes e Sargentos — Foto: Divulgação Polícia Civil

O suspeito de atropelar e matar uma mulher na saída de uma festa no Clube dos Subtenentes e Sargentos de São Luiz Gonzaga, Região Noroeste do estado, foi preso preventivamente no início da tarde desta segunda-feira, 18 de novembro. Rosemeri Pereira da Silva, 57 anos, que morava em Caxias do Sul e visitava parentes na cidade, morreu no local, no sábado (16).

O caso é tratado pela Polícia Civil como homicídio doloso, quando a pessoa tem a intenção de matar. O suspeito de 25 anos foi à delegacia para prestar esclarecimentos e, no local, foi informado que a Justiça havia pedido sua prisão preventiva.

Ele declarou para a delegada Elaine Maria Schons que não viu que havia atropelado uma pessoa quando tentou sair do local. Segundo a polícia, ele teria relatado que pegou sua caminhonete Saveiro no estacionamento, deu marcha à ré e parou porque havia muita gente, e só teria saído quando o espaço foi liberado.

O suspeito informou, ainda, que chegou a ouvir um barulho, mas que não viu o que teria acontecido, tomando conhecimento do fato na manhã seguinte.

Ele deve responder também por duas tentativas de homicídio, já que atingiu outras duas pessoas com o veículo. Elas foram atendidas e liberadas logo em seguida, ainda no sábado.

Por volta das 5h30, várias pessoas estavam na rua e na calçada em frente ao clube, segundo a polícia, envolvidas em uma discussão a respeito de uma briga na parte interna. O suspeito garantiu que não se envolveu na briga, mas diz que foi empurrado na confusão, quando tentou sair do local.

Ele será encaminhado ao Presídio Estadual de São Luiz Gonzaga, enquanto aguarda os procedimentos do sistema judiciário.

Artigos relacionados

Fechar
%d blogueiros gostam disto: