Sonda da Nasa capta áudio do vento em Marte

A Nasa anunciou nesta sexta-feira, 7 de dezembro, que captou pela primeira vez o áudio do vento em Marte. O feito só foi possível graças à sonda espacial Insight, um robô que investiga o interior do planeta,

Segundo a Nasa, dois sensores muito sensíveis na espaçonave detectaram essas vibrações de vento: um sensor de pressão de ar dentro do módulo de aterrissagem e um sismógrafo localizado no convés da Insight, aguardando a implantação pelo braço robótico da InSight.

Os dois instrumentos gravaram o ruído do vento de diferentes maneiras. O sensor de pressão de ar, parte do Subsistema Auxiliar de Sensor de Carga Útil (APSS), que irá coletar dados meteorológicos, registrou essas vibrações de ar diretamente. O sismógrafo registrou as vibrações causadas pelo vento que se movia sobre os painéis solares da espaçonave, que têm 2,2 metros de diâmetro e se destacam dos lados da sonda como um par de orelhas gigantes.

O pouso em Marte

A sonda Mars InSight, da Nasa, pousou em Marte no dia 26 de novembro após sete meses de viagem. A sonda é a primeira capaz de captar terremotos e estudar o funcionamento interno do planeta. Esta é a oitava vez que a Nasa consegue fazer um pouso em Marte.

A nave espacial não tripulada foi lançada há quase sete meses e percorreu 482 milhões de km. Parte de sua missão é informar dos esforços para enviar algum dia exploradores humanos ao planeta vermelho — algo que a Nasa espera concretizar na década de 2030.

A InSight não tem capacidade de detectar vida no planeta — isso será deixado para os futuros robôs. A missão da agência em 2020, por exemplo, irá coletar rochas que possam conter evidências da vida antiga.

Este pouso em Marte é o primeiro desde 2012, quando o explorador Curiosity da Nasa pousou na superfície e analisou as rochas em busca de sinais de vida que possa ter habitado o planeta vizinho da Terra, agora gélido e seco.

Foto: Nasa

 

Foto: Nasa

 

Fonte: G1

Artigos relacionados

Fechar
%d blogueiros gostam disto: