Defesa Civil emite novo alerta para risco de temporais no Rio Grande do Sul nesta terça-feira

As instabilidades que provocaram temporais no Rio Grande do Sulnos primeiros dias de primavera devem ganhar força nesta terça-feira (25), segundo alerta da Defesa Civil do estado. Há possibilidade de chuva forte, ventos intensos e granizo nas regiões Norte, Noroeste, Sudoeste e Centro, riscos de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e alagamentos.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) também mantém alerta de acumulado de chuva para esta terça-feira, para todo o estado. O comunicado alerta para possibilidade de chuva entre 30 a 60 mm/h ou 50 a 100 mm/dia, além de risco de alagamentos, deslizamentos de encostas, transbordamentos de rios, em cidades com áreas de risco.

Continua após a publicidade...

As chuvas e o vendaval no domingo (23) causaram estrados em 21 cidades, de acordo com o último boletim da Defesa Civil, enviado na tarde desta segunda-feira (24). Veja abaixo os estragos em cada município. Segundo o comunicado, 111 residências e sete estabelecimentos foram atingidas, duas famílias estão desalojadas e duas pessoas foram feridas em Pelotas, Sul do estado: uma criança, que segue internada em estado estável, e uma senhora, que recebeu atendimento e foi liberada.

  • Alvorada: um residência atingida por queda de árvore
  • Arroio do Sal: várias ruas alagadas com alguns pontos intransitáveis
  • Arroio dos Ratos: um residência atingida (realizada entrega de lonas), queda de árvores
  • Canoas: Destelhamento posto de saúde (UBS), Queda de árvores
  • Charqueadas: Vento forte, queda de granizo.
  • Esteio: Diversas ruas com pontos de alagamento
  • Formigueiro: Sem transporte escolar, aulas canceladas, chuvas fortes
  • Gravataí: duas residências atingidas (realizada entrega de lonas)
  • Ijuí: seis residências atingidas por granizo
  • Marau: 13 residências atingidas, vendaval
  • Minas do Leão: quatro residências atingidas, queda de árvores, ventos fortes e granizo
  • Montenegro: 30 residências atingidas, 1 ginásio municipal, uma ponte, vendaval e granizo
  • Mormaço: 20 residências atingidas, 1 clube social, vendaval
  • Passo Fundo: 10 residências atingidas, aeroporto parcialmente destelhado, vendaval.
  • Pelotas: dois feridos ( uma criança e um adulto), 1 família desalojada, 27 residências, vento forte, queda de árvores
  • Portão: Diversas ruas com pontos de alagamento
  • Porto Alegre: uma residência atingida, queda de árvores
  • Santana do Livramento: Cidade com diversos pontos de alagamento
  • São Gabriel: ginásio municipal atingido, queda de árvores e postes, vento forte
  • São Lourenço do Sul: uma família desalojada, queda de galpões, casas destelhadas, queda de árvores
  • Soledade: Ginásio municipal destruído por vendaval

Regiões sem luz

As companhias de energia trabalham para estabelecer o fornecimento após os cortes provocados pelo mau tempo. Na área da CEEE, 62 mil clientes aguardam o retorno da luz. Na área da concessionária RGE, são 28 mil clientes, e na área da RGE Sul, são 45 mil clientes sem energia elétrica.

No domingo (23), mais de 360 mil clientes chegaram a ficar sem fornecimento de energia.

Em Esteio, chuva provocou alagamentos nas ruas — Foto: Defesa Civil do RS
Em Esteio, chuva provocou alagamentos nas ruas — Foto: Defesa Civil do RS

Fonte: G1 – RS

Post Author: Portela Online