Clique aqui para acessar

Delegacia de Tenente Portela prende quatro suspeitos de crimes nesta semana

Foto: Divulgação PC

Nesta sexta-feira, a Polícia Civil de Tenente Portela realizou diligências importantes que, numa das linhas de investigação, sinalizam pela “encomenda de homicídio” de um morador de Tenente Portela por um indivíduo que se encontra preso na Região Metropolitana de Porto Alegre, em que a provável motivação seria uma dívida de drogas.

Jovem foi preso em Tenente Portela / Foto: Divulgação PC

No último sábado, dia 07, a polícia prendeu preventivamente um individuo de 18 anos, suspeito de ter efetuado vários disparos com um revólver calibre .38 contra a vítima, que correu e somente foi atingida por dois tiros. Hospitalizada, apesar da gravidade das lesões, conseguiu sobreviver.

De acordo com a Polícia Civil foi necessário manter sigilo sobre o fato e o estado de saúde da vítima até serem presos os coautores do crime ante a suspeita de eventual invasão ao hospital na tentativa de consumar o homicídio. Da mesma forma, a Brigada Militar reforçou o efetivo nas imediações daquela casa de saúde, impedindo qualquer ação contra a vítima, bem como garantir a segurança dos funcionários e demais pacientes.

Nessa sexta-feira, 13 de julho, o segundo suspeito de participação no crime se apresentou na Delegacia local. Ele foi interrogado pelas autoridades e conduzido ao presidio de Três Passos, já que contra ele também havia um mandado de prisão preventiva expedido pela Comarca de Tenente Portela. Conforme a polícia, os coautores do fato eram moradores de Cidreira, no litoral gaúcho.

Por outro lado, em conclusão de investigações de tráfico de drogas, nesta semana a polícia deu cumprimento a mandado de busca e a mandados de prisões preventivas de dois indivíduos presos na Região Metropolitana de Porto Alegre e Três Passos, envolvidos com traficância de drogas em solo portelense. A Polícia Civil apura eventual conexão das ações de um desses traficantes com a tentativa do crime de homicídio.

Segundo o Delegado de Polícia Vilmar Alaídes Schaefer, substituto da Delegacia de Polícia de Tenente Portela, “os elementos colhidos durante a investigação (Homicídio Tentado) foram suficientes para atribuir a autoria aos indivíduos que foram presos, bem como se robusteceram no sentido da confirmação da figura do mandante do crime”.

Frisa ainda Schaefer, “que o trabalho de investigação desenvolvido pela Equipe da Delegacia de Polícia de Tenente Portela foi digno de nota no sentido da rapidez e eficácia das diligências elucidativas realizadas, de modo a evitar mais um homicídio no município. É uma luta constante dos órgãos da segurança pública da Cidade na busca da erradicação de crimes dessa natureza, porque não obstante o alvo dos criminosos ser predeterminado, pessoas inocentes poderiam ser atingidas por uma eventual troca de tiros, ou ainda, como ocorre com frequência em regiões metropolitanas e nessa particularidade, já ocorreu em Tenente Portela, os matadores de aluguel poderiam se enganar quanto à identidade do alvo e matar uma pessoa inocente”.

Clique aqui

Artigos relacionados

Fechar
%d blogueiros gostam disto: