Clique aqui para acessar

Casos de toxoplasmose crescem mais 30% e chegam a 352 em Santa Maria

Casa de Saúde abriu um ambulatório para atendimento para casos oftalmológicos | Foto: Divulgação / Prefeitura Santa Maria

Subiu de 271 para 352 o número de casos confirmados de toxoplasmose em Santa Maria, Região Central do Estado. Conforme o boletim divulgado no fim da tarde desta sexta-feira, o município contabiliza 1.011 casos notificados, sendo que 665 são considerados suspeitos. Dos confirmados, 27 são mulheres grávidas. Em relação à semana passada, houve redução no número de casos sob investigação, que caiu de 230 para 198.

De acordo com Boletim de Investigação de Surto de Toxoplasmose, foi confirmado um caso de toxoplasmose em um aborto com 15 semanas e outro também de 15 semanas em uma grávida que estava sob investigação da doença. O relatório descarta 115 suspeitas. Entre estes, há o registro de um aborto em gestação de 21 semanas, sem ligação com a doença. Os casos se somam aos outros óbitos confirmados em Santa Maria.

Ambulatório

Um ambulatório para atendimento específico de casos oftalmológicos devido ao surto de toxoplasmose começou a funcionar nesta sexta-feira na Casa de Saúde. De acordo com o coordenador da 4ª Coordenadoria Regional de Saúde (4ª CRS), Roberto Schorn, os pacientes são encaminhados pela Secretaria de Saúde do Município. “Este ambulatório é específico para atender pacientes que forem encaminhados para tratar com especialistas de oftalmologia, não é, portanto, um local de pronto atendimento para quem apresentar sintomas da doença. Estamos disponibilizando, em média, 50 fichas por dia, podendo esse número variar, de acordo com a demanda”, afirmou.

O coordenador explicou que não foi possível contabilizar o número de pacientes atendidos nesta sexta-feira. Ele afirmou ainda que os medicamentos utilizados no tratamento aos casos confirmados já chegaram a Santa Maria. A forma de distribuição será decida em conjunto com a Secretaria de Município da Saúde. O local vai atender os pacientes de segundas e quintas-feiras, das 7h30min às 12h30min. Nas sextas-feiras, no entanto, a Casa de Saúde ainda está definindo o turno em que os pacientes serão recebidos.

Fonte: Correio do Povo

Artigos relacionados

Fechar
%d blogueiros gostam disto: