Clique aqui para acessar

MP denuncia marido e jovem por morte de contadora

Foto: Arquivo Pessoal

Os dois homens presos pela suspeita de matar a contadora Sandra Mara Lovis Trentin, de 48 anos, em Boa Vista das Missões, no Norte gaúcho, viraram réus por homicídio triplamente qualificado. O Ministério Público do Rio Grande do Sul (MP-RS) denunciou o marido da vítima, de 48, e o comparsa, de 21, no início da semana. Outras pessoas, ainda não identificadas, também podem estar envolvidas no crime.

As investigações apontaram que o marido mandou matar a vítima porque queria o fim do casamento sem a divisão dos bens do casal. Sandra morreu baleada pelo comparsa do marido em um local ermo entre os dias 30 de janeiro e 17 de fevereiro, apontou a Polícia. O corpo dela, porém, segue desaparecido, embora se acredite que esteja enterrado em uma área rural na região.

Sandra saiu da casa onde vivia com o marido e a filha na manhã de 30 de janeiro. Ela passou no escritório da família, antes de viajar a Palmeira das Missões. Imagens de câmeras de segurança mostraram que ela também compareceu à Junta Comercial da cidade antes de ser perseguida e morta.

 

 

Clique aqui

Artigos relacionados

Fechar
%d blogueiros gostam disto: