Brigada prende suspeitos de assaltos em Três Passos

Foto: Divulgação 7º BPM

A Brigada Militar de Três Passos prendeu, na noite desta terça-feira, 6 de fevereiro, os dois principais suspeitos pela prática de assaltos a mão armada que ocorreram na cidade, nos últimos oito dias.

Por volta de 20h30min, as equipes da BM foram acionadas por um popular, relatando que a Nice Farmácia, localizada na Avenida Julio de Castilhos, em frente à Praça da Bandeira, estava sendo alvo de assalto. Uma viatura perseguiu a dupla, que tripulava uma motocicleta, de cor preta, até as proximidades do Supermercado Reginatto, na Avenida Ijuí, onde acabaram caindo da moto, ao tentar cruzar por um redutor.

Os policiais prenderam os dois indivíduos em flagrante: um deles de 20 anos e o outro de 36 anos de idade. Durante a fuga, a dupla tentou se desfazer de um simulacro (uma espécie de arma de ar), que utilizaram no assalto. O objeto foi encontrado na galeria, em frente ao Fórum.

Após capturados, os dois elementos foram encaminhados ao Hospital de Caridade. Um deles tinha suspeita de fratura na perna esquerda e o outro, sofreu escoriações. Após passarem por exames, serão encaminhados à Delegacia de Polícia, para lavratura do flagrante. O delegado substituto, Gustavo Fleury, estava na delegacia, acompanhando o caso. No assalto de hoje, a dupla levou dinheiro do caixa. O material roubado ainda será avaliado pela polícia, para posteriormente ser possível a devolução.

A dupla é suspeita de ter cometido os assaltos a mão armada nas farmácias Panvel (dia 5) e São João (dia 11), além do mercado Big Centro (dia 7). Todos os casos aconteceram entre 20h30min e 21h15min, e todos os locais ficam na principal avenida de Três Passos.

Conforme o capitão Andrighetto, do 7º BPM, foi fundamental a participação da comunidade, encaminhando informações à BM, além do trabalho de inteligência planejado em conjunto por BM e Polícia Civil, a fim conseguir identificar e capturar os autores dos roubos a estabelecimentos na área central.

 

Fonte: Rádio Alto Uruguai

SEM COMENTÁRIO

Deixe uma resposta