Clique aqui para acessar

Sartori renova renegociação da dívida com a União

 

Foto: Governo do RS

Em viagem a Brasília, o governador José Ivo Sartori anunciou nesta quarta-feira, 27 de setembro, a assinatura do acordo da dívida com a União previstos pela lei complementar 148. Desta forma, ficam formalizados a substituição dos indexadores (IGP-Di por IPCA) e o corte dos juros de 6% para 4% ao ano.

Além de representar uma redução em R$ 22 bilhões no estoque da dívida projetada para o ano de 2028 pelo contrato antigo, a formalização era um pré-requisito para que o Estado possa manter outras conquistas já repactuadas com o governo federal.

A dívida com a União fechou 2016 em R$ 55,7 bilhões e, se não houvesse a repactuação, o serviço mensal seria superior a R$ 325 milhões atualmente. Nos últimos dois meses, o Rio Grande do Sul novamente deixou de pagar o serviço da dívida com a União, amparado por uma nova liminar do STF.

Sartori disse que a renegociação da dívida irá auxiliar no equilíbrio das contas públicas do Estado.

* Com informações do Governo do RS

Artigos relacionados

Fechar
%d blogueiros gostam disto: