Clique aqui para acessar

Familiares de idosa morta em incêndio em Miraguaí pedem por justiça

 

Foto: Sandro Medeiros – Portela Online

Familiares de dona Erica Valk Donatt que estaria completando hoje, 7 de agosto, 68 anos de idade, realizaram uma manifestação pedindo justiça em frente a casa onde ela morava e foi encontrada com o corpo totalmente carbonizado. O objetivo do manifesto é chamar a atenção da comunidade para que colaborem com a polícia nas investigações que apuram as causas da morte de dona Erica e do incêndio que atingiu o imóvel onde morava a idosa.

Para os familiares o ato foi criminoso e segundo Valmir, filho de dona Erica “não temos ainda provas materiais embora temos pessoas que sabem do que aconteceu na casa, naquela noite”. Valmir disse também acreditar na justiça e pediu para que estas pessoas colaborem com as investigações da polícia e denuncie.

Os familiares prometeram não mexer em nenhum tijolo até que o caso seja esclarecido.

De acordo com a Polícia Civil, os laudos periciais são inconclusivos e já foram ouvidas diversas pessoas e até o momento não se tem, em tese, autoria de delito. Portanto a Polícia não sabe dizer se foi um incêndio criminoso ou causado por fatores como por exemplo curto circuíto, gás ou qualquer outra forma acidental.

Sobre o incêndio:

Uma moradia localizada no bairro Esperança, nas proximidades do Posto de Saúde do município de Miraguaí, foi consumida por um incêndio na noite da quinta-feira, 23 de março. Os Bombeiros contiveram as chamas, mas o imóvel foi destruído pelo fogo, que iniciou por volta das 21h.

O SAMU chegou a ser acionado, mas o corpo da proprietária foi encontrado carbonizado no interior do imóvel. Segundo a BM, ela foi identificada como Erica Valk Donatt, de 67 anos.

A Polícia Civil irá investigar as causas do incêndio.

Artigos relacionados

Fechar
%d blogueiros gostam disto: