Clique aqui para acessar

Brasil goleia o Uruguai por 4 a 1 no Centenário

 

Foto: Reprodução site oficial da Seleção Brasileira – Lucas Figueiredo

O Brasil já está com um pé na Rússia. Mostrando qualidade e poder de reação, a Seleção Brasileira não só derrotou o Uruguai como goleou a equipe Charrua na noite dessa quinta-feira, 23 de março, por 4 a 1, em pleno Estádio Centenário. Paulinho, autor de três gols, e Neymar – que fez um golaço – foram os destaque da partida, válida pela 13ª rodada das Eliminatórias.

Com a vitória, o Brasil chegou aos 30 pontos, sete à frente do Uruguai, que é o vice-líder. O passaporte rumo à Rússia pode ser carimbado já na próxima terça-feira, dia 28, quando a Seleção recebe o Paraguai, no Itaquerão, em São Paulo.

Só Paulinho salva 

O Brasil começou partindo para o ataque. Aos 3 minutos, Neymar fez a jogada, lançou para pela lateral para Philippe Coutinho que fez o passe, mas ninguém chegou para alcançar a bola. Não demorou muito para o Uruguai mostrar perigo na área do Brasil. A primeira chance veio numa cobrança de lateral que resultou num chute arriscado da seleção uruguaia, mas passou longe da goleira de Alisson. E na falha do lateral Marcelo, que recuou fraco para Alisson, o goleiro cometeu pênalti em Cavani aos 7 minutos. O atacante mesmo foi para a cobrança e no minuto seguinte abriu o placar para delírio de um Centenário lotado.

Apesar do gol, a Seleção de Tite não mostrou pressa em atacar, mesmo com Uruguai querendo marcar mais um para confirmar a vitória. A resposta veio aos 19 minutos com Neymar armando a jogada no meio de campo. Ele lançou para Paulinho, na frente da área, que bateu com confiança direto para a rede: Uruguai 1×1 Brasil.

A partir daí, o Brasil recuou sem arriscar muito. O Uruguai tentou sair para o jogo, mas o Brasil dominou boa parte da partida. As maiores chances da Seleção vieram em jogadas com Neymar em cobranças de faltas. Em especial aos 31, quando Daniel Alves pegou o rebote da falta, levantou na área, Casemiro dominou e chutou, mas o goleiro Martín Silva salvou. O último susto do Uruguai veio aos 36, quando após cobrança de falta de Sanchez, a bola passou perto com um desvio.

Pintura de Neymar

Martín Silva salvou a virada logo no começo da etapa final. Neymar bateu falta com perfeição, mas o goleiro conseguiu salvar. E Paulinho de novo apareceu. O autor do primeiro gol do Brasil também foi responsável para virada no placar. Aos 6 minutos, Firmino recebeu na área e chutou para defesa de Silva. Mas foi a chance de Paulinho de pegar o rebote e chutar rasteiro para a goleira uruguaia.

A partida totalmente dominada pelo Brasil só foi enaltecida com Neymar aos 29 minutos. De um chutão de Miranda para o campo de ataque, Neymar dominou a bola e foi para cima do sistema defensivo uruguaio. Silva saiu e foi a chance do atacante pintar uma cobertura sobre o goleiro: Uruguai 1×3 Brasil.

O Uruguai, que tentou ao máximo diminuir o placar, não teve chances com a jogada entre Daniel Alves e Paulinho nos minutos finais. Alves recebeu pela lateral e cruzou achando Paulinho livre na pequena área e empurrar com peito e finalizando a goleada em cima do Uruguai. Era o golpe final para uma goleada no mítico Centenário.

Eliminatórias da Copa do Mundo Rússia 2018

Uruguai 1 

Martín Silva; Maxi Pereira, Coates, Godín e Gáston Silva; Vecino, Arévalo Rios, Cristian Rodríguez e Sanchez (Abel Hernández); Diego Rolán (Stuani) e Cavani. Técnico: Oscar Tabárez.

Brasil 4

Alisson; Daniel Alves, Miranda, Marquinhos e Marcelo; Fernandinho (Renato Augusto), Casemiro, Paulinho e Philippe Coutinho (William); Neymar e Roberto Firmino (Diego Souza) . Técnico: Tite.

Gols: Cavani (8min/1°T (U); Paulinho (19min/1°T) (6min/2°T) (47min/2°; Neymar (29min/2°T) (B)

Cartão Amarelo: Max Pereira, Godín, (U); Casemiro, Daniel Alves, Marcelo (B).

Árbitro: Patricio Loustau (ARG).

Local: estádio Centenário, em Montevidéu.

 

Fonte: Correio do Povo

 

Artigos relacionados

Fechar
%d blogueiros gostam disto: