Clique aqui para acessar
DestaqueTurismo

Titanic receberá visitas por R$ 330 mil

 


Agência de turismo oferecerá roteiro de viagem aos destroços do Titanic a partir de 2018, com apenas nove vagas / Divulgação/OceanGate

Depois de mais de 100 anos do naufrágio, a carcaça do Titanic finalmente será aberta a visitas de turistas em maio de 2018. Aqueles interessados em visitar o navio precisarão desembolsar 86,5 mil libras esterlinas (mais de R$ 330 mil).

Uma empresa de turismo baseada em Londres oferecerá um roteiro turístico de oito dias, com o Titanic como parada final.  Para chegar ao navio, os viajantes embarcarão em um helicóptero em Terra Nova, no Canadá, e pousarão em iate nas águas gélidas do Atlântico Norte.

Depois de dois dias a bordo do iate, aventureiros enfrentarão um mergulho de cinco horas em um submarino especial, construído especialmente para a exploração de grandes profundidades.  Só então chegarão aos restos da embarcação.

Acompanhados por especialistas em oceano profundo, os turistas navegarão pelo deque do navio e terão a oportunidade de ver pontos icônicos do gigante de luxo, como a grande escadaria dupla do saguão.

A viagem de mais de R$ 300 mil terá apenas nove vagas disponíveis. Considerando a inflação, o custo do roteiro é equivalente ao preço pago para viajar na primeira classe o Titanic quando o navio iniciou sua viagem, em 1912.

A agência britânica de turismo responsável pela viagem descreve o roteiro como uma “experiência que só acontece vez na vida e uma expedição criada só para aqueles que tem o espírito verdadeiramente aventureiro”.

Depois da primeira viagem, em maio de 2018, a próxima está prevista para acontecer só em meados de 2019. A agência já começou a vender pacotes para exploradores abonados – a empresa gosta de se referir a eles como “especialistas de missão”.

“Desde que o Titanic afundou, há 105 anos, menos de 200 pessoas visitaram a carcaça. Mais gente viajou ao espaço ou escalou o monte Everest; então, essa é uma oportunidade incrível”, disse o chefe da empresa turística, Stockton Rush. “Nós reconhecemos que todo o local é um memorial e levaremos nossa missão com enorme respeito por aqueles que perderam suas vidas no naufrágio”.

 

Fonte: Último Segundo

Deixe uma resposta

Fechar
%d blogueiros gostam disto: