Clique aqui para acessar

Safra de grãos no RS deve bater recorde e render R$ 29 bilhões, projeta Emater

 

Foto: Reprodução USP Imagens – Marcos Santos

O Rio Grande do Sul deverá colher uma safra recorde de grãos, chegando a 30,8 milhões de toneladas nas lavouras de verão, com um aumento de 2,7% em relação ao ciclo passado. O volume deverá injetar R$ 29 bilhões na economia gaúcha, conforme projeção divulgada pela Emater nesta terça-feira, 7 de março, durante a Expodireto-Cotrijal, no município de Não-Me-Toque. O impacto econômico refere-se apenas ao valor da produção, sem considerar os reflexos indiretos na indústria, comércio e serviços.

A supersafra de grãos é atribuída às condições climáticas favoráveis, com boa regularidade de chuva em todo o Estado, e à profissionalização dos agricultores, que a cada ano aumentam a produtividade das lavouras.

Conforme a projeção da Emater, o carro-chefe da supersafra será novamente a soja, com o volume histórico de 16,8 milhões de toneladas, aumento de 3,43% em relação à safra passada.

As lavouras de arroz, milho e feijão, já consolidadas, também contribuem para a supersafra projetada. Com produção de 5,5 milhões de toneladas, o milho bateu recorde de produtividade, chegando a 6.789 mil quilos por hectare, segundo a Emater.

Com informações da Rádio Gaúcha

 

Artigos relacionados

Fechar
%d blogueiros gostam disto: