Em nota, Chapecoense diz que sobreviventes do acidente estão fora de perigo

 

Foto: Reprodução Folha de S. Paulo - Divulgação Polícia Antioquia
Foto: Reprodução Folha de S. Paulo – Divulgação Polícia Antioquia

Em nota divulgada em seu site oficial no início da tarde desta sexta-feira, 2 de dezembro, a Chapecoense atualizou o estado de saúde dos sobreviventes do acidente aéreo que matou 71 pessoas na noite da última segunda-feira, 28 de novembro, na Colômbia.

Três jogadores e um jornalista seguem hospitalizados em Medellín, mas nenhum deles corre risco de morte. Segundo a nota, “a situação é crítica, mas estabilizada”. Ainda não há previsão de alta dos pacientes.

Segundo a nota, o lateral Allan Ruschel foi submetido a uma cirurgia na coluna vertebral, o que exige atenção. Ele mantém os movimentos normais em membros superiores e inferiores, e apesar das múltiplas escoriações, a perspectiva é de melhora. O jogador já conversou com a família.

O zagueiro Neto clinicamente está bem, também com perspectiva de melhora. Ele foi o último dos resgatados, na madrugada de terça.

Já o goleiro Follmann está em estado mais grave. Ele teve uma das pernas amputada e seu estado de saúde é estável, mas ainda permanece entubado.

O outro sobrevivente, o jornalista Rafael Henzel, sofreu trauma torácico e fratura em uma das pernas. Seu estado de saúde também é crítico, mas a perspectiva é otimista.

 

Artigos relacionados

Fechar
%d blogueiros gostam disto: