Horizontina: servidor é investigado pelo MP suspeito de assédio sexual na Câmara de Vereadores – Portela Online
Clique aqui para acessar

Horizontina: servidor é investigado pelo MP suspeito de assédio sexual na Câmara de Vereadores

 

Foto: Reprodução página oficial do MP-RS no Facebook
Foto: Reprodução página oficial do MP-RS no Facebook

Um servidor do Poder Legislativo de Horizontina está sendo investigado pelo Ministério Público (MP) em um inquérito civil instaurado para apurar a prática de eventuais atos de improbidade administrativa decorrentes de assédio sexual na Câmara de Vereadores do município.

Conforme o MP, algumas vítimas e testemunhas já foram identificadas e ouvidas e o investigado foi afastado do cargo por tempo indeterminado. Ele também foi proibido de manter contato ou aproximação com testemunhas.

O processo corre em segredo de justiça, e há prazo legal de 30 dias para o ajuizamento da ação principal.

Artigos relacionados

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
%d blogueiros gostam disto: